O presidente do PT de João Pessoa, Antônio Barbosa, também se retirou da lista elaborada pela executiva estadual do partido como indicações para a escolha do vice na chapa do pré-candidato ao Governo da Paraíba, Veneziano Vital do Rêgo (MDB). Em uma carta encaminhada ao presidente estadual da sigla, Jackson Macêdo, Barbosa afirma que Veneziano “deve ter tranquilidade” para escolher o companheiro de chapa.

No último dia 22, os outros três componentes da relação do PT (Lenildo Morais, Márcia Lucena e Maria Luiza Alencar Feitosa) já haviam declinado das indicações como forma de evitar discussão pública.

Veneziano Vital do Rêgo ainda não anunciou quem será o vice, mas as cotações mais altas são para dois membros da família Cartaxo: a ex-primeira dama de João Pessoa, Maísa e o irmão gêmeo do ex-prefeito Luciano Cartaxo, Lucélio.

Confira a íntegra da carta de Antônio Barbosa a Jackson Macêdo:

Caro Jackson Macedo (Presidente do PT/PB),

Ao cumprimentá-lo, apresento as considerações seguintes sobre as negociações em torno da indicação de vice na chapa MDB/PT ao governo do Estado da Paraíba:

A humanidade cultiva valores como a promoção da vida, da liberdade e da democracia desde os tempos imemoriais. 

Após a redemocratização do nosso Brasil (1985), tivemos 20 anos de relativa paz social e melhoria da qualidade de vida do nosso povo, nomeadamente com os governos de Lula e Dilma.

Atualmente enfrentamos um cotidiano de barbárie da violência crescente, como os recentes assassinatos dos pobres nas favelas e comunidades vulneráveis do Rio de Janeiro, o assassinato dos indigenistas Bruno e do jornalista Dom, do líder do PT na cidade de Foz do Iguaçu, somadas a outras tantas violências contra o nosso povo, nossas memórias, nossas florestas, nossos projetos…

Esse cenário de terror é agravado pelas ameaças reiteradas às instituições democráticas do Estado e aos valores mais fundamentais dos Direitos Humanos e da República, assim como também pelo desmantelamento da segurança material da vida de milhões de brasileiros já em situação de fome, desemprego, subemprego e precariedade.

A Paraíba atravessa esse momento crítico de ausência de ações sistemáticas e robustas do governo do Estado e da União para garantir a qualidade das políticas sociais básicas na área de Saúde, Educação e no Segurança. 

Assim, é imperiosa a eleição de uma nova equipe de governo capaz de organizar a retomada do funcionamento regular dessas ações a nível estadual!

Nós do agrupamento político Resistência Socialista/PT apostamos nas figuras de Lula, de Veneziano, de Ricardo e de Luiz Couto, – todos com vasta experiência no Legislativo e no Executivo, – para a retomada do projeto político de desenvolvimento da Paraíba.

Nesse contexto, a eleição do presidente Lula é uma questão de sobrevivência e remédio para curar 120 milhões de brasileiros em situação de fome; estancar outras mazelas e tirar o país da situação vexatória perante o mundo!

A escolha do vice governador(a) é coisa séria! 

É mesmo uma questão de alta relevância política. 

Este nome deve reunir habilidade política, sensibilidade social, compromisso com as coisas públicas, conhecimento e respeito aos princípios fundamentais da Administração Pública. 

Com esse entendimento, o PT disponibilizou meu nome para eventualmente contribuir como vice dessa chapa, cuja missão é reverter o cenário generalizado de esgotamento social e de complexas circunstâncias políticas.

Após ouvir o agrupamento político que fez minha indicação, tanto no Estado como no plano nacional, entendo que o nosso pré-candidato Veneziano Vital do Rego, – ora em tratativas com a Direção Nacional do Partido dos Trabalhadores, – tenha tranquilidade para concluir a relevante escolha do(a)vice.

João Pessoa, 27 de julho de 2022.

Antônio Barbosa Filho

Presidente do PT da capital

Parlamentopb