Na contramão do presidente do seu partido e antecessor na Prefeitura de Campina Grande, Romero Rodrigues (PSD), o atual prefeito, Bruno Cunha Lima, descartou qualquer possibilidade de se aliar ao governador João Azevêdo (Cidadania).

“Na vida assim como na política, o resumo não é ganhar ou ganhar. Em nome de uma eleição não posso perder a identidade […] O melhor para a oposição é ter candidatura própria”, sintetizou durante entrevista ao programa Frente a Frente, da TV Arapuan, nessa segunda-feira (8).

No entanto, para Bruno, existe uma separação entre parceria institucional e aliança política, dando a entender que trabalhará em sintonia com o governador para levar mais obras e ações para Campina.

PB Agora