A desembargadora Fátima Bezerra Cavalcanti, viúva do senador José Maranhão, manifestou o desejo de que o senador Veneziano Vital do Rego e o deputado estadual Raniery Paulino assumam a condição de herdeiros políticos de José Maranhão. Ela elogiou o retorno de Veneziano ao MDB e destacou a vontade de que o legado do marido continue no partido.

“Eu queria que o legado político de José Maranhão ficasse para um Raniery, um Roberto Paulino; um Veneziano Vital do Rêgo (citado com muita ênfase). Porque esses jovens estão com o futuro nas mãos. O retorno de Veneziano ao MDB foi muito bom. Eu só queria que esse legado político de Maranhão continuasse dentro do MDB para que eles honrassem a memória de José Maranhão seguindo os passos dele.”

Fátima Bezerra destacou ainda, que não pretende aderir à política partidária, alegando está em meio a uma carreira jurídica que muito ama e, portanto, não deseja interrompê-la.

“Acho interessante que a Paraíba saiba que a viúva de Maranhão é somente uma magistrada. Não tenho pretensão política, não nasci para fazer política partidária”, enfatizou.

 

***A declaração foi dada durante uma entrevista ao portal PB Agora

Polêmica Paraíba